Programa Xingu dos Saberes realiza oficina de monitoramento

Foram selecionados 40 alunos da Casa Familiar Rural (CFR), dos municípios de São Félix do Xingu, Tucumã e Ourilândia do Norte.

No dia 16 de agosto, o Centro de Formação Nazaré, em São Félix do Xingu, Pará, recebeu os alunos selecionados no Programa Xingu dos Saberes para participar da atividade de monitoramento da aplicação das bolsas concedidas para apoiar a formação profissional de jovens agricultores dos municípios de São Félix do Xingu, Tucumã e Ourilândia do Norte. O apoio de mil reais das bolsas também é um incentivo a experimentação, adaptação e disseminação de práticas sustentáveis. Ao todo, foram selecionados 40 alunos da Casa Familiar Rural (CFR), abrangidos por aqueles municípios.

A oficina identificou os avanços e as dificuldades encontradas durante a primeira fase dos projetos realizados pelos alunos. Ao mesmo tempo, o evento ajudou o grupo a montar um planejamento para a segunda etapa que será realizada no período de setembro de 2013 a janeiro de 2014. Segundo a coordenadora de projetos do Instituto Internacional de Educação do Brasil (IEB), Ruth Corrêa, os resultados apresentados pelos bolsistas foram bastante positivos. “Sob o aspecto qualitativo os jovens relatam que houve ampliação do conhecimento, em virtude de terem vivenciado uma atividade prática. A maior parte dos recursos da bolsa foi para complementar e/ou melhorar as atividades produtivas que já eram realizadas pelas famílias dos jovens”, explicou a coordenadora.

Cerca de 60% dos alunos aplicaram a primeira parte do recurso das bolsas. Aqueles que ainda não conseguiram realizar a primeira etapa serão acompanhados mais de perto nos próximos dois meses. Após concluírem as atividades pendentes eles estarão credenciados a receber a segunda parcela do apoio. O jovem estudante da CFR de Tucumã/Ourilândia, Maycon Lucena, usou o recurso da bolsa para o Projeto Apicultura Cientee conta que o recurso contribuiu para sua formação. “A bolsa incentivou alternativas e diversificação de produção na propriedade, além de uma nova fonte de renda”.

O programa Xingu dos Saberes integra as atividades do projeto Xingu Ambiente Sustentável, que é financiado pelo Fundo Vale e coordenado pelo IEB em parceria com Associação para o Desenvolvimento da Agricultura Familiar do Alto Xingu (ADAFAX).







Comentários