Projetos intensificam ações em busca de fórum intersetorial

Oficina reúne lideranças da sociedade civil em Barcarena, PA.

 

 

Na sexta feira, 01 de fevereiro de 2013, os projetos de fortalecimento da sociedade civil de Barcarena realizaram mais uma atividade em busca da consolidação de um Fórum de dialogo intersetorial no município, que reúna as organizações sociais, as empresas e os órgãos públicos (prefeitura, governo estadual e federal) para dialogar e encontrar soluções para os problemas socioambientais do município.

A oficina, realizada em Barcarena, reuniu cerca de 60 lideranças da sociedade civil local.  A coordenadora de projetos do IEB, Maura Moraes, apresentou o propósito do Fórum e os passos que têm sido dados para implantação desse espaço de debate.

Durante essa atividade os participantes indicaram e apresentaram os temas prioritários a serem debatidos no Fórum, tais como, saneamento, orçamento público, dentre outros. “Trata-se de um exercício de olhar as questões estruturantes de forma estratégica, pensando as prioridades conforme o tempo que devem ser efetivadas – em curto, médio ou longo prazo”, explica Moraes. A próxima oficina está marcada para o dia 23 de fevereiro. A proposta é dar continuidade ao exercício iniciado, assim como avançar no debate sobre a estrutura do espaço publico.

 

Reuniões

Paralelo às oficinas, uma série de reuniões estão sendo realizadas para divulgar e buscar apoio à implantação do Fórum em Barcarena. Em janeiro, membros do comitê de acompanhamento dos projetos se reuniram com o secretario de Educação, Cultura e Desenvolvimento Social, Pedro Negrão Rodrigues, e com o secretário de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano, Nelson Leão Silva Delgado. Para Moraes, a proposta foi bem recebida. “Segundo os dois gestores, há sintonia destes princípios com o modelo de gestão que será implantado no município”, explica Moraes.

A Associação Empresarial de Barcarena (ASSEB) também se reuniu com membros dos projetos de fortalecimento da sociedade civil. O encontro, no dia de 05 de fevereiro, teve um saldo positivo para a proposta do Fórum. Os empresários manifestaram concordância com a avaliação de que é preciso implantar uma nova forma de relação entre empresas, sociedade e Estado e que o município precisa de um desenvolvimento que não se restrinja a geração de riquezas externas, mas que avance também em mudanças na qualidade de vida da população local, e no enfrentamento de problemas básicos vividos em Barcarena.

Pelo Comitê de Acompanhamento dos projetos participaram, além de Maura Moraes, Rosemiro Santos e Ângela Santiago. A ASSEB foi representada por seus diretores, Alzira Araújo, Ivaneide Oliveira, AntonioFróes e Laura Kozak. A entidade se colocou como parceira dos projetos, sendo encaminhado que tem interesse em participar dos próximos passos da construção de espaço público de diálogo. 







Comentários